Contextualização sobre a Programação de Condições para Desenvolvimento de Comportamentos (PCDC): Uma experiência brasileira

Autores

  • Nádia Kienen
  • Mariana Gomide Panosso
  • Andreza Gomes Spiller Nery
  • Isabelle Waku
  • João dos Santos Carmo

Palavras-chave:

Programação de ensino, análise do comportamento, ensino-aprendizagem, tecnologia de ensino, tecnologia educacional

Resumo

 

 Dentre as tecnologias derivadas da Análise Experimental do Comportamento, há a Programação de Condições para Desenvolvimento de Comportamentos que possibilita anali­sar e arranjar condições de ensino que maximizam e aceleram as mudanças comportamentais pretendidas e diminuem a ocorrência de erros. Trata-se de uma tecnologia de ensino que tem sido utilizada tanto para caracterizar comportamentos a serem ensinados em diferentes con­textos quanto para construir, aplicar e avaliar programas de ensino que visam ao desenvolvi­mento de comportamentos, com base em princípios analítico-comportamentais. Sendo assim, este artigo tem por objetivos caracterizar a Programação de Condições para Desenvolvimento de Comportamentos como área de investigação e de planejamento de ensino; caracterizar os contextos históricos da programação de ensino e os pressupostos teórico-metodológicos que a constituem, descrever as etapas que compõem o processo de programar ensino e apresentar a diversidade de sua aplicação. Fornecer um panorama geral da Programação de Condições para Desenvolvimento de Comportamentos como área de pesquisa e tecnologia para inter­venção em processos de ensino-aprendizagem pode ser um passo importante para torná-la mais acessível àqueles interessados em planejamento de condições de ensino.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-04-12

Como Citar

Kienen, N. ., Panosso, M. G. ., Nery, A. G. S. ., Waku, I. ., & Carmo, J. dos S. (2022). Contextualização sobre a Programação de Condições para Desenvolvimento de Comportamentos (PCDC): Uma experiência brasileira. Perspectivas Em Análise Do Comportamento, 12(2), 360–390. Recuperado de https://revistaperspectivas.org/perspectivas/article/view/818

Edição

Seção

Artigos