Implicações éticas na proposição de comportamentos-objetivo a partir da perspectiva behaviorista radical

  • Gislayne de Souza Carvalho
  • Sarah Zuliani da Silva
  • Nádia Kienen
  • Camila Muchon de Melo

Resumo

O objetivo deste estudo é discutir implicações éticas na proposição de comportamentos-objetivo, pautadas pela filosofia do Behaviorismo Radical. Trabalhos que abordam tecnologias como contribuições da Análise do Comportamento à Educação e que se referem à contextualização do desenvolvimento de uma tecnologia de ensino que teve sua história no Sistema Personalizado de Instrução (PSI) de Keller e atualmente conhecida como “Programação de Condições de Desenvolvimento de Comportamentos” foram selecionados, bem como trabalhos relacionados à ética behaviorista radical. Após a identificação do núcleo da ética behaviorista radical, foi possível estabelecer relações entre essa e a proposição de comportamentos-objetivo considerando qualquer contexto de aprendizagem. Constatou-se que, independente de quem venha a intervir por meio de ensino, esse profissional deve ser capaz de identificar e descrever as contingências que controlam o seu comportamento de propor comportamentos-objetivo e aquelas que controlam o comportamento a ser desenvolvido pelo aprendiz. Tomados esses cuidados, prima-se por questões relevantes à uma ética behaviorista: equilíbrio ao considerar o desenvolvimento do indivíduo e o fortalecimento da cultura da qual ele faz parte, o que favorece o reforçamento de comportamentos tanto na esfera ontogenética quanto cultural. Estabelecer comportamentos relevantes a serem ensinados significa realizar uma avaliação ética preliminar que visa ao benefício da sociedade e do próprio  indivíduo que aprende.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-08-28
Como Citar
Carvalho, G. de S., da Silva, S. Z., Kienen, N., & de Melo, C. M. (2017). Implicações éticas na proposição de comportamentos-objetivo a partir da perspectiva behaviorista radical. Perspectivas Em Análise Do Comportamento, 5(2), 93-105. https://doi.org/10.18761/perspectivas.v5i2.135
Seção
Artigos