Conexões sociais importam: uma visão analítico-funcional geral da série da Netflix sobre o Jeffrey Dahmer

Autores

  • André Connor de Méo Luiz
  • Myenne Mieko Ayres Tsutsumi
  • Juliana Suemi Gomes Shirakawa
  • Fátima Cristina de Souza Conte
  • Julia Röcker dos Santos

DOI:

https://doi.org/10.18761/ttjkp8a.v

Palavras-chave:

Terapia analítico-funcional, Dahmer, relacionamento, behaviorismo

Resumo

Este artigo observou a vida de Dahmer de acordo com a série da Netflix se baseando nos princípios da Psicoterapia Analítica Funcional (FAP), focando no seu relacionamento com o seu pai, sua mãe, e sua madrasta. As causas do comportamento anormal podem ser entendidas utilizando a análise do comportamento e os princípios da FAP, em que demonstramos que as causas podem ter início na história do relacionamento pessoa-contexto e não, necessariamente, em um trauma específico ou distúrbio físico/cerebral. Para observar esses comportamentos, identificamos e sistematizamos 18 diálogos entre Dahmer e seus parentes durante a série da Netflix e analisamos os diálogos que ocorreram durante o episódio. Como apresentado neste artigo, a vida de Dahmer demonstra como a conectividade social é importante e destaca como os princípios da FAP são importantes como psicoterapia e um estilo de vida. Muitos outros aspectos dos diálogos de Dahmer e da sua vida podem ser (e devem ser) analisados para entender o seu comportamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

23-04-2024

Como Citar

Luiz, A. C. de M., Tsutsumi, . M. M. A., Shirakawa, J. S. G., Conte, F. C. de S., & Santos, J. R. dos. (2024). Conexões sociais importam: uma visão analítico-funcional geral da série da Netflix sobre o Jeffrey Dahmer. Perspectivas Em Análise Do Comportamento, 1(.), xx-xx. https://doi.org/10.18761/ttjkp8a.v

Edição

Seção

Online first